Brics: Brasil defende reformas e a iniciativa privada para o pós-pandemia

Os ministros do Turismo do Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul, países que integram o BRICS, se reuniram de forma virtual, na última semana, com o objetivo de discutir ações conjuntas de cooperação e promoção do turismo.

Na reunião, organizada pela Índia, os países aprovaram um Comunicado de Ministros, que prevê uma aliança em prol do Turismo Verde, como indutor da recuperação e do desenvolvimento do turismo, de forma sustentável.

O principal tópico da aliança é integrar os princípios da sustentabilidade nas políticas do turismo. Além disso, o acordo prevê investimentos na conservação de espaços naturais, criação de novas oportunidades de emprego e inclusão social, e o fortalecimento de medidas de saúde, segurança e higiene.

Segundo o representante do Brasil durante o encontro, o secretário-executivo adjunto do MTur, Marcos José Pereira, o Brasil tem trabalhado para garantir as condições necessárias para posicionar o país como um destino seguro e responsável e contribuir para o processo de retomada do setor.

O secretário-executivo apresentou um balanço das ações adotadas pelo Brasil para proteger o setor de turismo e prepará-lo para a retomada das atividades, bem como os esforços para garantir a vacinação de toda a população.


Cliente Arko fica sabendo primeiro

Autor

  • Graduanda em Jornalismo pela Universidade Católica de Brasília (UCB). Tem passagem como repórter pelo Jornal de Brasília, Correio Braziliense e Brazilian Press. Como produtora atuou no SBT Brasília. No O Brasilianista cobre economia e política.