O Brasil receberá um aporte de US$ 1 bilhão, por meio de uma linha de crédito com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), para a inclusão digital da população brasileira. Dados governamentais mostram que mais de 9,2 milhões de brasileiros que ainda não acessam a internet na região Norte.
O ministro das Comunicações, Fábio Faria, participa do programa A Voz do Brasil. Foto: Marcelo Casal Jr./Agência Brasil

Inclusão digital:

O Brasil receberá um aporte de US$ 1 bilhão, por meio de uma linha de crédito com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), para a inclusão digital da população brasileira. Dados governamentais mostram que mais de 9,2 milhões de brasileiros que ainda não acessam a internet na região Norte.

Com o valor, de acordo com o governo Federal, o país contará, ao todo, com US$ 2 bilhões para investimentos na região norte; metade para ampliar a conectividade e a outra fatia, que já havia sido negociada anteriormente entre as partes, para aplicações locais.

O acordo foi apresentado pelo ministro das Comunicações, Fabio Faria, no encontro realizado na sede do BID, em Washington, Estados Unidos, na última quarta-feira (9). Faria está nos Estados Unidos liderando a comitiva oficial do Governo Federal, acompanhada de integrantes do Tribunal de Contas da União (TCU), para conhecer modelos de uso seguro da rede 5G e promover investimentos no setor de telecomunicações brasileiro.

A comitiva é composta pelos senadores Flávio Bolsonaro e Ciro Nogueira, que integram as comissões de Assuntos Econômicos e de Relações Exteriores do Senado, e também pelos ministros do TCU Walton Alencar, Raimundo Carreiro e Bruno Dantas. Além deles, há representantes do Ministério da Defesa e Ministério das Relações Exteriores, do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), da Secretaria-Geral e da Secretaria Especial de Assuntos Estratégicos da Presidência da República.

Arko Advice