O Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) registrou altas de 14,39% no ano e de 37,04% em 12 meses. Usado no reajuste dos contratos de aluguel do país, o índice subiu 4,10% em maio, 1,51% superior ao mês anterior. De acordo com a Fundação Getulio Vargas (FGV), no mesmo período do ano passado, o IGP-M registrava taxas de 0,28% no mês e de 6,51% em 12 meses.

A FGV explicou que a alta do mês de abril para maio foi influenciada principalmente pelos preços no atacado, medidos pelo Índice de Preços ao Produtor Amplo, que subiram 5,23% em maio, acima do 1,84% de abril.

Além disso, houveram altas também no Índice de Preços ao Consumidor, que mede o varejo e que passou de 0,44% em abril para 0,61% em maio, e no Índice Nacional de Custo da Construção, que subiu de 0,95% para 1,80%.