Mais dois nomes foram indicados, nesta quarta-feira (10), pelo governo federal para compor o Conselho de Administração da Petrobras. A Cynthia Santana Silveira e Ana Silvia Corso Matte foram apontadas pelo Ministério de Minas e Energia.

A engenheira Cynthia Santana foi diretora executiva no Instituto Brasileiro de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (IBP) e desde 2015 é consultora independente da Exergia Consultoria e Projetos. Foi conselheira da TAG (Transportadora Associada de Gás), TBG (Transportadora Brasileira Gasoduto Bolícia) e TSB (Transportadora Sulbrasileira de Gás).

Ana Silva Corso Matte é advogada e desde 2012 atua como consultora em gestão, foi conselheira da Cemig, Renova Energia e na startup Superjobs. Também trabalhou no Comitê de Pessoas e Governança da Vale.

Na segunda-feira (8) uma lista com outras seis indicações foi anunciada pelo governo federal. Sendo que dois deles, o atual presidente, Eduardo Bacellar Leal Ferreira, e o conselheiro Ruy Flaks Schneider, já integravam o conselho.

Os demais indicados são: o general do exército da reserva Joaquim Silva e Luna, indicado pelo governo federal para assumir a Presidência da Petrobras; o engenheiro civil Márcio Andrade Weber e o geólogo Murilo Marroquim de Souza, indicados pela petroleira; e Sonia Julia Sulzbeck Villalobos, indicada pelo Ministério da Economia.