Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

O Brasil saiu do ranking das 10 maiores economias do mundo e caiu para a 12ª posição. A informação foi divulgada nesta quarta-feira (3) pela Austin Rating. Em 2019, o Brasil ficou na 9ª posição.

O motivo para a queda de colocação foi o tombo histórico de 4,1% registrado do produto interno bruto (PIB) em 2020, totalizando R$ 7,4 trilhões. Foi a maior queda anual da série iniciada em 1996. O tombo também interrompeu o crescimento de três anos seguidos (de 2017 a 2019), quando acumulou-se a alta de 4,6%.

Veja a seguir o ranking mundial de maiores economias do mundo:

  1. Estados Unidos (US$ 20,8 trilhões)
  2. China (US$ 14,8 trilhões)
  3. Japão (US$ 4,9 trilhões)
  4. Alemanha (US$ 3,7 trilhões)
  5. Reino Unido (US$ 2,6 trilhões)
  6. Índia (US$ 2,59 trilhões)
  7. França (US$ 2,55 trilhões)
  8. Itália (US$ 1,8 trilhões)
  9. Canadá (US$ 1,6 trilhões)
  10. Coreia do Sul (US$ 1,5 trilhões)
  11. Rússia (US$ 1,46 trilhões)
  12. Brasil (US$ 1,42 trilhões)
  13. Austrália (US$ 1,3 trilhões)
  14. Espanha (US$ 1,2 trilhões)
  15. Indonésia (US$ 1,08 trilhões)