Foto: Osnei Restio/Prefeitura de Nova Odessa

O ministro da Saúde de Israel, Yuli Edelstein, disse nesta sexta-feira (26) que o país aplicou a primeira dose da vacina contra a COVID-19 em pelo menos 50% da população. Desses, 35% já receberam a segunda dose.

A previsão do primeiro-ministro Benjamin Netanyahu é vacinar todos os israelenses acima de 16 anos até o final do mês de março. Segundo Netanyahu, isso permite uma reabertura do país em abril.

A vacinação no país começou no dia 19 de dezembro. Da população total de 9,3 milhões de habitantes, cerca de 4,6 milhões já receberam pelo menos a primeira dose.