Marcelo Cardoso/Gp1

O PSDB foi o grande vitorioso das eleições municipais em São Paulo (SP). O partido, que controla o Palácio dos Bandeirantes desde 1995, elegeu o maior número de prefeitos do Estado. Depois dos tucanos aparecem aliados do partido como DEM, PSD e MDB. Juntos, as quatro siglas possuem 350 prefeituras sob seu controle.

Chama atenção o desempenho negativo do PT. Em seu berço político, os petistas elegeram apenas dois prefeitos no primeiro turno. O encolhimento do PT, que chegou a ter 70 prefeituras em 2012, pode tirar ainda mais competitividade dos petistas para as eleições de 2022. Neste cenário, uma nova derrota precoce em primeiro turno na eleição para governador é um cenário provável.

PARTIDOS 2004 2008 2012 2016 2020
PSDB 194 205 168 164 169
DEM 74 74 45 47 67
PSD 34 60 62
MDB 89 69 83 82 52
PTB 63 60 54 59 50
PL 34 25 28 29 41
PP 28 25 28 12 31
Cidadania 37 29 26 33 25
Republicanos 2 5 13 21
Podemos 0 0 1 2 17
PV 16 23 29 31 16
PSB 16 25 28 39 15
PSL 3 1 4 0 9
Patriota 0 2 8
PSC 1 6 5 0 6
PDT 23 28 18 13 5
SD 11 4
PT 58 60 70 8 2
Avante 0 0 0 0 2
PCdoB 1 0 3 1 1
PROS 2 1
PSOL 0 0 0 0 1
PMN 1 3 1 0 0
PRTB 0 0 0 0 0
REDE 1 0
DC 1 0 1 0 0
PMB 0 0
PTC 0 0 0 1 0

Considerando as dez maiores cidades de SP, o PSDB também o grande vitorioso. Os tucanos conquistaram quatro dessas cidades no primeiro turno, podendo chegar a dez municípios no segundo turno. Nas maiores cidades paulistanas, o PT também apresenta um desempenho negativo. Os petistas, no melhor cenário, conquistarão uma prefeitura.

CIDADES 2020
São Paulo Bruno Covas (PSDB) x Guilherme Boulos (PSOL)
Guarulhos Guti (PSD) x Elói Pietá (PT)
Campinas Dario Saadi (Republicanos) x Rafa Zimbaldi (PL)
São Bernardo do Campo Orlando Morando (PSDB)
Santo André Paulo Serra (PSDB)
Osasco Rogério Lins (Podemos)
São José dos Campos Felício (PSDB)
Sorocaba Carlos Manga (Republicanos) x Jaqueline Coutinho (PSL)
Ribeirão Preto Duarte Nogueira (PSDB) x Suely Vilela (PSB)
Santos Rogério Santos (PSDB)
TOTAL DE CONQUISTAS PSDB (4-6)*
Podemos (1)
PSOL (0-1)*
PSD (0-1)*
PT (0-1)*
Republicanos (0-2)*
PL (0-1)*
PSL (0-1*)

PSB (0-1)*

*Mínimo e máximo considerando possíveis conquistas no segundo turno

 

Caso Bruno Covas se reeleja prefeito na capital, dos cinco maiores municípios, três serão administradas pelo PSDB (Covas na capital, Orlando Morando em São Bernardo do Campo) e Paulo Serra em Santo André), o que será um feito importante para os tucanos buscarem o oitavo mandato consecutivo no Palácio dos Bandeirantes em 2022.