Foto: Prime Minister’s Office of Japan

O primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, anunciou nesta sexta-feira (28) que está deixando o cargo. Em entrevista coletiva em Tóquio, o líder japonês disse que voltou a sofrer colite ulcerativa, e que está em tratamento. A doença é reincidente e o levou a deixar o cargo em 2007, no seu primeiro mandato.

Japão está no governo desde 2012. É o primeiro-ministro há mais tempo no poder da história do Japão. Na entrevista, pediu desculpas por estar deixando o cargo um ano antes do fim do mandato, e disse que “não posso continuar sendo primeiro-ministro se não tiver a confiança de que posso realizar o trabalho que o povo me confiou”.

O novo chefe de governo japonês será o vencedor das eleições para a presidência do Partido Liberal Democrático (LDP).