Foto: Fernanda Carvalho

A arrecadação federal do mês de julho de 2020 registrou queda de 17,6% em relação ao mesmo mês de 2019, mostrando que a pandemia do novo Coronavírus continua afetando os dados arrecadatórios brasileiros, mas com menos impacto do que em meses anteriores.

O Brasil arrecadou RS$ 137,7 bilhões, o pior resultado para o mês de julho dos últimos 11 anos, e tal queda representa a sexta seguida na arrecadação mensal em relação aos meses respectivos do ano passado – somente o mês de janeiro, quando a pandemia ainda não havia chegado ao Brasil, apresentou crescimento, (4,6%).

Desde então, a arrecadação está sofrendo com quedas percentuais vertiginosas – se a queda foi de 2,7% em fevereiro e de 3,3% em março, em abril foi de 28,9%, em maio 32,9% e 29,5% em junho. No acumulado do ano, a queda é de 15,1%, com um resultado de somente R$ 781,9 bilhões em sete meses, o mais baixo em 20 anos.