Foto: Reprodução/Twitter

Steve Bannon, ex-estrategista da Casa Branca, foi preso nesta quinta-feira (20), sob acusação de desvio de dinheiro de companha de apoio à construção de muro entre o México e os Estados Unidos. A construção do muro era uma das mais populares promessas de champanha de Donald Trump em 2016.

Segundo o Departamento de Justiça, pelo menos US$ 1 milhão arrecadado em campanha teria ido para o bolso de Bannon. O ex-estrategista também é indiciado por conspiração para lavagem de dinheiro.

Bannon veio ao Brasil no final de 2019, a convite do então presidente da Comissão de Relações Exteriores da Câmara dos Deputados, Eduardo Bolsonaro (PSL-SP).