Foto: Ueslei Marcelino

A primeira-ministra da Nova Zelândia, Jacinda Ardern, estendeu na sexta-feira (14) a quarentena na cidade de Auckland – a maior do país. O objetivo é tentar frear o primeiro surto de coronavírus em meses.

Nesta terça-feira (11), uma família foi o alvo das primeiras infecções em 102 dias no país. Até a sexta-feira, já foram identificadas pelas autoridades locais cerca de 30 casos. Segundo a primeira-ministra, é provável que mais casos sejam descobertos nos próximos dias, mas está confiante na capacidade das autoridades de isolar os contaminados.