Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

O Procon de São Paulo e a Enel chegaram a um acordo para tentar resolver as quase 55 mil reclamações registradas na entidade e viabilizar o parcelamento automático dos débitos em aberto. O trato também busca esclarecer os consumidores sobre o aumento exagerado nas contas e acabar com as filas nos postos de atendimento da distribuidora de energia.

Todos os consumidores que reclamaram ou vierem a reclamar até o dia 31 de agosto por meio do site ou aplicativo do Procon-SP podem ser beneficiados.