Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), defendeu na quinta-feira (25) a prorrogação por outros dois meses do auxílio emergencial de R$ 600. Para Maia, uma das soluções seria a unificação dos programas sociais e de proteção ao emprego já existentes.

“Temos que começar esse debate rápido, temos muitos trabalhos de professores e acadêmico, economistas, deputados. Temos recursos em vários ministérios, têm programas de proteção ao emprego que estão mal focalizados, debates sobre a renda. O importante é que se renovem os R$ 600 por dois meses e nesse período se possa construir um texto com foco e gerando uma condição melhor para os que precisam de uma renda”, disse.

A informação é da Agência Câmara.