KCNA

A Coreia do Norte anunciou nesta sexta-feira (12) que vai reforçar seu programa nuclear. A ação é em resposta ao que o país disse ser promessas não cumpridas pelos Estados Unidos, dois anos após a cúpula de Cingapura, quando o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, se encontraram pela primeira vez.

O ministro das Relações Exteriores da Coreia do Norte, Ri Son-gwon, disse em comunicado que “o objetivo estratégico infalível da Coreia do Norte é criar uma força mais confiável para lidar com as ameaças militares de longo prazo dos EUA”. Disse ainda que a esperança de uma melhora nas relações diplomáticas entre os países “agora se transformou em desespero”.