Lucas Uebel/Grêmio FBPA

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) anunciou que abrirá uma linha de crédito para os times da Série A, devido aos impactos financeiros sobre os clubes em decorrência da pandemia do coronavírus. O recursos chegam a R$ 100 milhões e não serão cobrados juros.

O presidente da CBF, Rogério Caboclo, disse em nota que se tem “procurado todas as formas de apoiar os clubes nesse momento difícil”. A Confederação garantiu que os clubes da Série B receberão um adiantamento sobre os valores que têm a receber sobre o contrato de direitos de transmissão em TV de aproximadamente R$ 15 milhões.