Foto: Patrick Rodrigues/BD

As vendas no varejo registraram uma queda de 31,8% no mês de abril, em comparação com o mesmo período do ano passado. É a maior retração desde 2001. A informação foi divulgada nesta quarta-feira (3) pela Serasa Experian.

Antes, a maior queda registrada havia sido em janeiro de 2002, quando o número chegou a 16,5%. O setor analisado que mais sofreu em abril de 2020 é o de eletrodomésticos e eletroeletrônicos. Foi uma queda de 39,9% das vendas.

Os outros setores mais afetados foram o varejo de vestuários e calçados (39,6%), veículos, motos e autopeças (33,1%), e material de construção (32,1%).