Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

Nesta quarta-feira (27), os líderes da oposição realizaram a primeira reunião unificada das oposições da Câmara e do Senado, com o objetivo de unificar as ações da Rede, PSB, Psol, PDT, PT, PCdoB e Cidadania em relação ao Governo Bolsonaro.

O líder da oposição no Senado, Randolfe Rodrigues (Rede), postou em sua conta no Twitter “Oposição unificada! Nós da oposição nos reunimos hoje p/ alinhar ações em conjunto p/ frear os desmandos, ilegalidades e ataques de Bolsonaro à democracia. A partir de hoje, nossas reuniões ocorrerão regularmente! Participam: Rede, PSB, Psol, PDT, PT, PCdoB e Cidadania”.

A ideia é realizar encontros semanais e, está programado um ato em defesa da liberdade de imprensa para a próxima segunda-feira (1). Os líderes do Cidadania, PCdoB, PT, Psol, Rede, PDT e PSB protocolaram na Procuradoria-Geral da República (PRG), um pedido de apuração de suposto crime de responsabilidade pelo ministro da Educação, Abraham Weintraub, em referência às falas divulgadas no vídeo da reunião interministerial do dia 22 de abrill.