Bloomberg via Getty Images

O fundador do Facebook disse nesta sexta-feira (22), que acredita que os trabalhadores em homeoffice possam representar até 50% da força de trabalho na rede social até os próximos 10 anos. Disse também que a rede social planeja contratar mais funcionários para trabalhar remotamente em locais onde a empresa não possui ainda escritórios.

Atualmente, a sede da empresa é na Califórnia, no Vale do Silício. Segundo Zuckerberg, o Facebook tem como objetivo “abrir agressivamente as contratações remotas”, principalmente para funcionários na área de engenharia. Desde março o Facebook fechou suas portas por causa do coronavírus.