Pietro Naj-Oleari/ European Parliament

De acordo com previsão divulgada nesta quarta-feira (6) pela Comissão da União Europeia, a Europa terá uma queda de 7,4% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2020. No primeiro trimestre do ano, a atividade econômica a UE encolheu quase 16% em relação ao último trimestre de 2019.

Segundo o comissário Paolo Gentiloni, responsável pela economia, “é um choque econômico sem precedentes desde a Grande Depressão”. O órgão prevê que a recuperação das atividades devem começar no segundo semestre, e que levará a um crescimento de 6,1% em 2021.

As vendas no varejo na zona do euro sofreram seu maior declínio já registrado em março. A queda foi de 11,2% em relação a fevereiro, e 9,2% em relação ao ano anterior. As informações foram divulgadas pela Eurostat – agência de estatísticas da UE.