MARCELO CAMARGO/ AGÊNCIA BRASIL

O auxílio emergencial de R$ 600 para trabalhadores com contratos suspensos ou reduzidos por causa da pandemia do coronavírus voltarão ao governo se não forem sacados em 90 dias. O retorno automático ao Tesouro Nacional está nas regulamentações publicadas pelo Ministério da Economia.

De acordo com o Ministério, o beneficiário poderá retirar o dinheiro ainda que este tenha retornado ao Tesouro. O retorno vale apenas para os benefícios depositados nas contas poupança digital da Caixa. O procedimento é semelhante a benefícios da Previdência Social que voltam ao Tesouro Nacional caso não sejam sacados.