Foto: EBC

Durante sua participação no “Estadão Live Talks”, o vice-presidente da República, Hamilton Mourão, afirmou que o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, “cruzou a linha da bola” e que “não precisava ter dito determinadas coisas”.

A manifestação de Mourão foi uma referência à declaração de Mandetta ao “Fantástico” do último domingo (12), de que a “população não sabe se segue a opinião do ministro ou do presidente Jair Bolsonaro”.

Segundo Mourão, “as discordâncias entre Bolsonaro e Mandetta precisam ser resolvidas “intramuros” e não via imprensa”. O vice-presidente afirmou ser contra trocar de ministro neste momento. Entretanto, disse que essa “é uma decisão do presidente.

A declaração de Hamilton Mourão sobre Mandetta ter “cruzado a linha de bola” reforça os sinais da suposta perda de respaldo do ministro juntos aos militares após a entrevista à TV Globo.

Como a questão de hierarquia é algo “muito caro” para os militares, a atitude de Mandetta tende a ser interpretada como um ato de “insubordinação”.