Foto: REUTERS/Jorge Adorno

O crescimento da exportação de soja brasileira foi recorde em meio à pandemia do Coronavírus, levando à valorização do dólar americano e ao aumento do preço da oleaginosa.

Nos portos brasileiros, a saca de 60 quilos de soja teve aumento de 11% no último mês – o local onde mais cresceu foi em Rio Grande, onde saltou de R$ 92 para R$ 102,50. Tal aumento dos preços deve-se ao câmbio, posto que o dólar subiu 15,95% em março e 29,5% no total do primeiro trimestre, chegando a R$5,20 ao fim do mês.

Os esforços agora são para que nenhum porto paralise suas atividades, uma vez que a colheita está indo muito bem mesmo com os atrasos decorrentes da pandemia – já foi a 82,2% da área estimada, segundo levantamento semanal de Safras & Mercado, com dados recolhidos até 3 de abril. No entanto, o estudo aponta que isso não será grande impedimento para o crescimento do mercado, pois a tendência altista do dólar traz suporte para os preços praticados no Brasil nesse gênero.