Divulgação/Receita Federal

A Receita Federal anunciou nesta quinta-feira (9) que foram alterados os procedimentos internos para regularizar os CPFs que apresentavam pendências eleitorais. A mudança foi anunciada devido ao atual estado de calamidade pública pela pandemia da COVID-19 e a necessidade de pagamento do auxílio emergencial de R$ 600.

De acordo com a Receita, o processamento para regularizar os CPFs foi iniciado na madrugada de hoje e deve se encerrar na sexta-feira (10). Normalmente, o processo deveria ser feito junto aos cartórios eleitorais. No entanto, estes estão fechados por conta do coronavírus.