Foto: Cleia Viana/Câmara dos Deputados

A Câmara dos Deputados adiou novamente nesta quinta-feira (9) a votação do socorro aos Estados pensado para substituir o Plano Mansueto. Uma nova tentativa deve acontecer na próxima segunda-feira (13).

O Plano Mansueto é um pacote de ajuda aos Estados e era uma das prioridades do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), para esta semana. No entanto, Maia anunciou que o plano seria substituída por um auxílio aos Estados de curto prazo.

O governo atualmente negocia ajustes no texto do relator, deputado Pedro Paulo (DEM-RJ). A equipe econômica calcula um impacto de R$ 180 bilhões para a União.