Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

A Câmara aprovou projeto de lei que prevê pagamento mensal de R$ 600 a trabalhadores informais e pessoas com deficiência que ainda aguardam na fila de espera do INSS até a concessão do Benefício de Prestação Continuada (BPC).

O auxílio, que poderá chegar a R$ 1200 por família, será concedido durante três meses para as pessoas de baixa renda afetadas pela crise do coronavírus.

O projeto, negociado com o governo, segue para análise do Senado.