Foto: Jim Bourg

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou nesta quinta-feira (12) a restrição de viagens saídas dos EUA com direção à Europa, para tentar conter o contágio por coronavírus. A medida implica exceção ao Reino Unido, que tem poucos casos confirmados.

A declaração de Trump influenciou a queda dos preços do petróleo. O petróleo tipo Brent recuou US$ 2,48 dolar (6,93%), chegando a US$ 33,31 por barril. Enquanto o petróleo americano caiu US$ 2,05 (6,22%), atingindo US$ 30,93 por barril.

A suspensão dos voos para a Europa irá implicar em uma queda ainda maior na demanda por combustível de aeronaves. O chefe de estratégia em energia da BCA Research, Robert Ryan, afirmou que a participação no mercado não for parada, é possível que os estoques de petróleo fiquem cheios e os preços do Brent atinjam novamente os 20 dólares até o final do ano.

Após o anúncio de Trump, a Bolsa de Valores de Tóquio desabou novamente, cerca de 2% mais baixo. O índice Nikkei caiu mais de 1.000 pontos em relação ao dia anterior, antes de fechar a sessão em 18.412 pontos.

Compartilhe