Foto: Scott Olson/Getty Images

A cerveja Corona, apesar da infeliz semelhança com o nome do coronavírus, não alterou sua publicidade e afirmou que as vendas continuam fortes, mantendo a consistência das campanhas dos últimos 30 anos.

No entanto, uma pesquisa da 5W Public Relations afirmou que 38% dos americanos não estão comprando Corona “sob nenhuma circunstância” por conta do surto de coronavírus, enquanto outros 14% afirmaram que não pediram uma cerveja da marca em público.

Já a YouGov realizou outra pesquisa, na qual constatou que a intenção de consumo pela Corona caiu para o nível mais baixo dos últimos anos. As ações da Constellation Brands, que fabrica variações da cerveja, caíram 4% na sexta (28) e 8% na quinta-feira (27).