Foto: Divulgação/Huawei

O Procurador-Geral dos Estados Unidos, William Barr, afirmou que os Estados Unidos podem comprar a Nokia ou a Ericsson para competir diretamente com a Huawei, fabricante chinesa que superou a produção de smartphones.

A Huawei, por sua vez, está investindo na tecnologia 5G e sofreu repressões de sua entrada nos EUA, que pode ser recusada. Barr acredita que a China é uma “ameaça econômica” ao país norte-americano.

“Colocar nosso grande mercado e esforços financeiros em uma dessas marcas pode resultar em um competidor formidável e eliminar preocupações sobre seu poder de permanência”, afirmou o procurador.

Compartilhe