Foto: Reuters/Tom Brenner

O Senado dos Estados Unidos decidiu, nesta quarta-feira (5), pela absolvição do presidente Donald Trump no processo de impeachment sob acusação de abuso de autoridade e obstrução do Congresso.


Como 53 dos 100 senadores são do partido Republicano – do qual Trump faz parte, a decisão era esperada, já que eram necessários dois terços dos votos para prosseguir com o julgamento.


O resultado, segundo diversos jornais do mundo, pode restaurar a força eleitoral do presidente entre os republicanos. A expectativa é que agora o presidente utilize sua força para a campanha de um segundo mandato.