Foto: Divulgação/Petrobras

No Diário Oficial da União (DOU) desta terça-feira (28), foi publicada a Portaria do Ministério de Minas e Energia, que estabelece a metodização para a execução de leilões de energia existente e com certa presença de energia nova, para projetos com prazo de fornecimento de 15 anos para serem entregues em 2024 e 2025.

A medida garante a substituição de usinas termelétricas que utilizam diesel, por usinas que utilizam gás natural para a geração de energia elétrica. Este segundo tipo, além de mais barata, é menos poluente.

O presidente da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), Thiago Barral, afirmou que o leilão será um teste para os futuros leilões de 2020, por conta da demanda de distribuidoras de energia elétrica. 

Compartilhe