Foto: Marciano Candia/AP Photo/AE

A madrugada deste domingo (19) foi marcada pela fuga em massa da Penitenciária Regional de Pedro Juan Cabellero, no Paraguai. A maioria dos fugitivos são da facção criminosa PCC, incluindo David Timoteo Ferreira, chefe da organização.

O ministro do Interior do Paraguai, Euclides Acevedo, emitiu uma nota no site oficial do governo, na qual informa que “a maioria dos fugitivos são de alta periculosidade” e que foi emitido um alerta máximo ao Brasil, uma vez que os presos podem ter vindo para o país. 

A ministra da Justiça do Paraguai, Cecilia Pérez, determinou a exoneração do diretor da penitenciária e de outros funcionários. Alguns agentes internos estão sendo investigados de cumplicidade com a fuga.

Compartilhe