Foto: Ben Shafer/FreeImages

No final do ano passado a tentativa para retomar as exportações da carne in natura para os EUA fracassaram. Segundo a Agencia de notícias Bloomberg, o governo brasileiro entende que a continuidade da proibição seja pela frustração de Washington com a decisão do Brasil de manter cotas para as importações isentas de tarifas de etanol americano,

contrariando uma promessa que o presidente Jair Bolsonaro fez pessoalmente a seu colega Donald Trump em uma viagem a Washington.

Agora, a expectativa é que o governo norte-americano leve tempo para suspender a proibição das importações brasileiras de carne in natura.

Compartilhe