Foto: Leonardo Sá/Agência Senado

O Ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou nesta segunda-feira (13), que a proposta de reforma administrativa será encaminhada à Câmara dos Deputados entre o fim de janeiro e o início de fevereiro. 

Já quanto a reforma tributária, o ministro prevê uma apresentação quase simultânea a administrativa, que será provavelmente analisada por comissão mista do Congresso.

Ambas reformas tiveram ajustes conduzidos pelo presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido), o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) e Davi Alcolumbre (DEM-AP), presidente do Senado.

Compartilhe