Foto: REUTERS/Alisson Frazão

O governo, especificamente a Caixa Econômica Federal, iniciou nesta segunda-feira (16), a primeira parcela do auxílio emergencial para pescadores profissionais que tiveram seu trabalho afetado pelo derramamento de óleo no litoral do nordeste.

De acordo com a Medida Provisória, aproximadamente 65 mil profissionais que tiveram prejuízos até a data da MP, podem receber R$1.996, que deve ser pago em duas parcelas de R$998.

O pagamento ocorre de maneira similar a outros benefícios sociais, que tem a data de saque estipulada de acordo com o final do Número de Identificação Social (NIS) do favorecido.