Foto: GUSTAVO ANDRADE/Divulgação

Um acordo do Ministério da Infraestrutura com a Ferrovia Centro-Atlântica S/A (FCA), nesta quinta-feira (28), vai permitir o pagamento de R$1,2 bilhão para os cofres do Tesouro Nacional, caracterizado como o maior valor pago à União por pendências em contratos de concessões ferroviárias.

A FCA possui 7.222km e percorre sete estados e o Distrito Federal (MG, RJ, SP, GO, BA, ES, SE e DF) e tem um papel importante sobretudo no transporte de cargas como grãos, açúcar, fertilizantes e combustíveis.

O valor pago é decorrente de uma resolução da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) nº 4.131/2013, que autorizou a desativação e devolução dos trechos ferroviários antieconômicos, em troca de investimentos nas obras da Malha Centro-Leste. 

Compartilhe