Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O Ministério de Minas e Energia (MME), divulgou nesta quinta-feira (21) a regulamentação do Crédito de Descarbonização – CBIO, que faz parte da Política Nacional de Biocombustíveis – Renovabio. 

A iniciativa visa aumentar a produção de biocombustíveis no país, com a garantia de um preço mais acessível e consequências menos poluentes para o meio ambiente. O CBIO é um ativo ambiental que pode ser emitido pelo produtor ou importador e cada unidade de CBIO evita uma tonelada de carbono emitida ao meio ambiente.

Os CBIOs podem ser comercializados após emitidos. O MME realizou essa última ação antes da operação completa do RenovaBio em janeiro de 2020, que tornará o Brasil apto à oferta de ativos ambientais. 

Compartilhe