Divulgação/Instituto Cidade Amiga

A Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO), divulgou o relatório “O estado mundial da alimentação e da agricultura 2019”, que evidencia o desperdício de alimentos. A América Latina e o Caribe são responsáveis por 20% dos alimentos perdidos, apesar de representarem 9% da população mundial.

Segundo o relatório, os motivos de perda e desperdício de alimentos são amplamente diferentes a depender de cada região. Nas propriedades rurais, por exemplo, a perda ocorre por práticas incorretas de colheita e manejo, más condições climáticas e pela complexidade de comercializar os produtos. 

Além disso, boa parte dos alimentos se perde por condições inadequadas de armazenamento e pela logística incorreta de transporte. O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), criou o #SemDesperdicio, uma plataforma que fomenta a inovação e a melhora da qualidade nas intervenções sobre perda e desperdício de alimentos. 

 

Compartilhe