Google/Reprodução
Spread the love

Trata-se do maior veredicto permitindo retaliação tarifária da história. Por conta da postura da União Europeia (UE) em retirar subsídios ilegais à Airbus — fabricante de aeronaves do continente —, a Organização Mundial de Comércio (OMC) autorizou os Estados Unidos a impor tarifas a produtos europeus, como o vinho e o queijo franceses, além de ternos e azeite de oliva espanhóis.

O governo americano se pronunciou logo após o veredicto, afirmando que deve estabelecer taxas de até 25% a partir do dia 18 de outubro.