Reprodução/CLDF

Nesta segunda-feira (09), o Deputado Distrital Fábio Félix (PSOL-DF) iniciou uma articulação para criar a CPI do Feminicídio. Em parceria com a deputada Arlete Sampaio (PT), Félix acredita que será possível obter os votos para instalar a Comissão. 

Em 2019, 19 mulheres foram vítimas de feminicídio no Distrito Federal. O crime de feminicídio é qualificado quando o assassinato é motivado por razões de gênero, isto é, quando uma mulher é morta por ser uma mulher. 

 “Queremos debater soluções e causas. Não é uma CPI para investigar governos”, afirmou o deputado. Nesta terça-feira (10), o Plenário da CLDF discutiu a violência contra a mulher e o feminicídio, onde os parlamentares fizeram o requerimento da instauração da CPI.

Compartilhe