Foto: Carlos Grevi / Agência O Globo
Spread the love

Foi concedida, na manhã desta quarta-feira (4), a liberdade ao casal de ex-governadores do Rio de Janeiro Anthony Garotinho e Rosinha Matheus, que haviam sido presos ontem (3) pro suspeita de participação em esquema de superfaturamento em contratos celebrados entre a Prefeitura de Campos e a construtora Odebrecht. O casal estava preso em Benfica, Zona Norte do Rio, e esta foi a quarta prisão de Garotinho e a segunda de Rosinha.

Com a decisão de soltura assinada pelo desembargador Siro Darlan, o casal responderá ao processo em liberdade – a documentação também atesta que faltou embasamento para a prisão, alegadamente declarada por possibilidade de os réus atrapalharem a investigação se estivessem soltos, e que a defesa teve dificuldades em acessar os autos do processo. No entanto, a decisão de Siro também afirma que ambos estão proibidos de fazer contato com outros réus ou testemunhas do caso e que não podem se ausentar do País sem autorização judicial, devendo entregar seus passaportes nos próximos cinco dias.