Reprodução

A Disney anunciou ontem (quinta-feira, 08) que o seu serviço de streaming, o Disney+, fará parte de um pacote que incluirá os canais ESPN e Hulu.

Analistas apontam que a Netflix deve ser a maior afetada pelo lançamento do novo concorrente, alegando que muitos dos seus clientes devem migrar para o novo player no segmento. O motivo para isso é que muitos dos filmes e das séries de maior sucesso — como Star Wars, Marvel e produções dos estúdios Pixar — são na verdade produtos Disney e estão para encerrar seus contratos de cessão com a Netflix.

Como se todos os indícios não fossem suficientes, o preço da mensalidade no Disney+ já está definido: U$ 12, 90. Exatamente o mesmo valor cobrado pela Netflix.

Compartilhe