Fernando Brazão/Agência Brasil

A Petrobras registrou, no segundo trimestre de 2019, o maior lucro trimestral da história, registrado em um montante de R$ 18,866 bilhões, o que significa um aumento de 87% em relação ao mesmo período de 2018.

O saldo positivo garantiu R$ 2,6 bilhões aos acionistas, por meio de juros sobre o capital próprio. O aumento foi impulsionado pela venda da Transportadora Associada de Gás (TAG). Ao todo, a Petrobras acumulou um total de US$15 bilhões ao ano de desinvestimentos, até o final de julho.

“A Petrobras se defronta ainda com alavancagem financeira excessiva para uma companhia produtora de commodities”, afirmou Roberto Castello Branco, presidente da empresa. 

Compartilhe