Foto: Lula Marques/AGPT

 

Segunda-feira (29/07)

– Representantes de embarcadores, transportadoras e autônomos iniciam rodadas de negociação com membros do governo, até quarta-feira, para discutir a tabela do frete mínimo.

– A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) abre processo para redistribuição dos horários de pousos e decolagens no Aeroporto de Congonhas. O resultado será divulgado nesta terça-feira (30).

– Termina o mandato de Ney Maranhão na diretoria da Agência Nacional de Águas (ANA).

– O Banco Central divulga o resultado das contas do setor público consolidado em junho.

– Reunião do Conselho Monetário Nacional (CMN).

– A Federação Única dos Petroleiros (FUP) e a Federação Nacional dos Petroleiros (FNP) iniciam semana de mobilização contra as negociações do Acordo Coletivo de Trabalho, no qual a Petrobras propôs reajuste salarial de 1%, e contra a privatização da companhia.

Terça-feira (30/07)

– O governo publica decreto detalhando que os ministérios sofrerão cortes num total de R$ 1,442 bilhão, conforme anunciado na semana passada.

– A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) divulga o resultado da distribuição dos slots (pousos e decolagens) no Aeroporto de Congonhas.

– Início da reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central.

– Divulgação do IGP-M de julho.

Quarta-feira (31/07)

– Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) anuncia taxa básica de juros (Selic).

– O IBGE divulga pesquisa sobre o desemprego (Pnad Contínua) do segundo trimestre.

Quinta-feira (01/08)

– O presidente Jair Bolsonaro inaugura usina flutuante com placas fotovoltaicas em Pernambuco.

– O Congresso Nacional retoma suas atividades.

– O Supremo Tribunal Federal (STF) julga a validade da Medida Provisória nº 886/19, do presidente Jair Bolsonaro, que transferiu para o Ministério da Agricultura a demarcação das terras indígenas.

– O Ministério da Economia divulga o resultado da balança comercial em julho.

– O IBGE divulga a produção industrial de julho.

– A Confederação Nacional da Indústria (CNI) divulga relatório de indicadores industriais.