Rovena Rosa/Agência Brasil

O governo de São Paulo, em detrimento das limitações fiscais, resolveu confiar em um programa de concessões e parcerias com o objetivo de atrair investimentos privados no estado em até R$37,6 bilhões.

“Nossa preocupação maior é com o investimento, não tanto com outorgas fixas, que é uma característica dos programas anteriores. Queremos tocar os projetos em dois anos, enquanto os 20 anos anteriores somaram 40 iniciativas”, afirmou Wilson Mello, presidente da InvestSP.

As Parcerias Público-Privadas e concessões já estabelecidas trouxeram R$156,3 bilhões de investimentos. Em agosto, o governador de São Paulo, João Doria (PSDB) irá à China para a abertura do primeiro escritório comercial do estado no exterior com 21 projetos (16 concessões e 5 PPPs).