Foto: Divulgação

Cinquenta três parlamentares franceses rejeitaram o acordo comercial entre Mercosul e União Europeia, assinado no último dia 28. A contestação vem ganhando força na França. Apesar das oportunidades econômicas, a Comissão Europeia estima que o acordo permitirá às empresas do bloco economizar 4 bilhões de euros por ano em tarifas para vender no Mercosul. Agricultores franceses já fizeram protestos pelo país na semana passada e prometem colocar tratores nas ruas.

A oposição Les Républicains, de direita, classifica o pacto comercial como “erro econômico e horror ecológico”. Os Les Républicains também defendem a criação de uma barreira ecológica nas fronteiras da Europa para impedir a importação de países que não respeitam as normas ambientais.

O acordo ainda precisa ser ratificado pelos países e pelo Parlamento da União Europeia. A versão definitiva do texto só será publicada nas próximas semanas.