Reprodução/Diário do Transporte

Em um dos mercados mais disputados para o transporte, a cidade de Londres, o Uber já pode se preparar com um concorrente de peso. A Ola, empresa indiana que já operava em outras cidades inglesas antes da capital, recebeu esta semana a licença para atuar na megalópole.

Esse não é o primeiro adversário do Uber e dos icônicos táxis pretos na disputa por passageiros que não desejem usar outros meios de transporte, como o ônibus e o vasto metrô londrino. Kapten, ViaVan e Bolt já fazem parte desse cenário.

Além da Índia e do Reino Unido, a Ola também já está presente na Austrália e na Nova Zelândia. Ironicamente, seu maior investidor, o SoftBank, também detém parte do Uber.