Foto: Arquivo/Agência Brasil

O governo federal anunciou nesta segunda-feira (24) o programa “Novo Mercado de Gás”, que pode ajudar a destravar investimentos de R$ 32,8 bilhões para realizar a implementação da infraestrutura de gás natural no País.

Segundo o Ministério de Minas e Energia (MME), serão obras de terminais de gás natural liquefeito (GNL), gasodutos e unidades de processamento de gás (UPGNs) até 2032, a fim de  reduzir o preço em até 40% para estimular a indústria.

A Petrobras está dando o primeiro passo para a abertura do mercado de gás através de um acordo com o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE) sobre a venda toda a sua participação nas empresas estaduais de gás e os 10% remanescentes na Nova Transportadora do Sudeste (NTS) e na Transportadora Associada de Gás (TAG).