José Cruz/Agência Brasil

O Supremo Tribunal Federal irá decidir nesta terça-feira (25) às 14h, se o ex-presidente Lula será solto. A decisão ocorre antes do recesso forense do STF.

Os cinco ministros da Segunda Turma irão julgar não somente o habeas corpus apresentado pela defesa de Lula, mas também avaliar a postura do ministro da Justiça e ex-juiz da Lava Jato, Sérgio Moro, que julgou o caso.

Dois dos cinco ministros, Edson Fachin e Cármen Lúcia já informaram seu voto contrário a liberdade do ex-presidente. A decisão fica nas mãos de Celso de Mello, Ricardo Lewandowski e Gilmar Mendes.