Valter Campanato/Agência Brasil

O Ministério da Saúde publicou nesta quarta-feira (19) o resultado final dos médicos selecionados para o novo ciclo do programa

A partir de junho serão mais de 1,9 mil médicos, permitindo o atendimento a mais de 6 milhões de pessoas nas áreas mais periféricas e vulneráveis do país.

Serão beneficiados mais de mil municípios, atingindo os 26 estados, além de dez Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEIs). Os municípios contemplados são de áreas historicamente pouco acessadas, como comunidades ribeirinhas, quilombolas e indígenas.