Wilson Dias/Agência Brasil

O Partido Social Liberal (PSL) e o Partido Republicano Brasileiro (PRB) dominam 45 dos 68 grupos de amizade entre o Brasil e países estrangeiros.

A presidência desses grupos parlamentares antes era dispersa entre várias legendas, mas agora se concentram em dois partidos mais conservadores.

O PSL preside 21 e o PRB comanda 24 dos grupos de amizade, que são semelhantes à frentes parlamentares temáticas, dedicando-se a interlocução entre países, blocos e entidades (como o Mercosul, ONU, Brics, OTAN).